Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Algumas coisas...

por Trinco, em 12.04.16

lista-seo.jpg

 

1. Na comunicação, saiu o responsável pelo facebook e twiter, pelo que se percebe, por discordar de uma série de ingerências e "linhas editoriais" impostas. Também do que se percebe, o caso decorre igualmente de uma luta interna entre facções. Uma mais próxima do ex-director do Jornal, outra mais próxima da empresa YoungNetwork (por vezes pergunto-me o que ainda faz a WL Partners neste manicómio), com a segunda a tentar garantir a predominância pela linha mais baixa de acção, para os próximos tempos e campanha. Tenho a dizer que se era mau, não me espantaria que se venha a tornar pior tal o historial da YN nestas opções. Por outro lado, é de registar as violentas fissuras que se tornam evidentes no edifício da União, tantas vezes apregoado. E a campanha está já aí!

 

2. Vai haver 2ª edição do congresso "The Future of Football". Não sei para que serviu o 1º, não sei para que servirá o 2º. Poderia ser feito por uma qualquer associação regional de futebol, que o impacto pouco diferente seria. Achar que isto torna o Clube mais relevante no panorama internacional é de uma ingenuidade deliciosa. Os painéis são gastos (Tecnologia, Media, etc) e demonstram essencialmente uma agenda para a campanha. E a campanha está já aí!

 

3. Entretanto um brasileiro chamado Marcelo, que descobriu uma paixão pelo Clube há um par de anos, é transportado e apresentado em Alvalade como exemplo supremo do Sportinguismo, usado em campanha e levado em ombros. Todo o processo de preparação da acção foi tão programado e evidente que soou a falso e a aproveitamento. Não ele, a acção. Pelo Marcelo tenho todo o respeito. Pelo Sportinguismo que não duvido, pela dificuldade criada pela distancia em o praticar. Mas não mais que todos os Sportinguistas espalhados no Mundo. Seja na América do Sul, seja na Ásia ou África. Conheço vários. E se o "motivo" pela extrapolação é a página de facebook, digamos que ela se insere numa plataforma planetária pelo que estas fronteiras e distancias têm muito pouco de real e substantivo. E a campanha está já aí! (num aparte e em ligação ao ponto 1, sabe-se que o Marcelo foi mais um dos episódios da luta entre facções com o "tributo" a ser trazido por uma mas depois anexado por outra)

 

4. Segue a campanha enviesada de Propaganda e pavimentação da estrada para as eleições, recorrendo a meias-verdades e muita palha para alimentar ovinos. Como já escrevi, "iremos a prazo iniciar um período de reposições temáticas ao estilo da programação estival dos nossos canais de televisão, ou ainda, veremos o controle das fotocopiadoras ou o papel higiénico de folha simples e o seu racionamento a duas folhas por utilizador como factores decisivos na "construção do futuro".". Por outro lado, verifica-se a intolerável e exaustiva utilização dos canais de comunicação do Clube para este tipo de propaganda ao serviço autocrático do presidente-candidato. E pelo que vejo a coisa está longe de estar a ser bem recebida. E a campanha está aí!

 

5. O cérebro da equipa técnica, face aos últimos resultados do nosso perseguidor estará a 1 ou 2 vitórias de garantir o seu prémio de €2M (acrescentando este aos €5M/ano em ordenados) pelo apuramento directo para a Champions League. E com esse, o dos administradores, é bom que não se esqueça. Mas é bom que, mesmo podendo não ter benefícios adicionais por ganhar a Liga, o faça. É que a campanha está já aí!

 

6. Serei só eu a estranhar os entraves à assinatura de contrato do jogador Alan Ruiz, depois do negócio ter ficado acertado há quase duas semanas (mesmo sem Factura detalhada), sem que o mesmo seja devidamente firmado ou sequer que a CMVM, dado o valor relevante do negócio exija, como já fez noutros casos, explicações? É bom não esquecer que a campanha está já aí!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:20

Congresso

por Trinco, em 17.03.16

img_770x433$2016_03_17_01_11_58_1077645.jpg

 

Conta hoje a comunicação social da possibilidade da realização do X Congresso Leonino para o mês de Abril. Descontando a possibilidade do erro que pode advir do apuramento e das fontes do jornal, estranha-se, muito, o momento.

 

O Congresso Leonino tem a periodicidade de 4 em 4 anos, segundo o disposto nos Estatutos. A última edição decorreu em 7 e 8 de Junho de 2014. Há menos de 2 anos.

 

Complementarmente, o Congresso, também, segundo os mesmos estatutos, deverá servir para "congregar os sócios do SPORTING CLUBE DE PORTUGAL no estudo dos problemas fundamentais da educação física, dos desportos e das actividades culturais e recreativas e, bem assim, afirmar o espírito de solidariedade entre os desportistas portugueses em geral e os sportinguistas em particular." E convém não esquecer isto!

 

A acontecer, que sinceramente muito estranharia (mais não fosse nesse prazo pela questão de preparação, logística e aprovação de regulamento), porque este momento? Para debater o quê? Para preparar o quê?

 

Será?...

 

Nota: Pessoalmente acredito bem mais que a informação tenha sido "lost in translation" e que o que aí venha seja mais um congresso tipo "The Future of Football" ou algo análogo que sirva igualmente para foguetório e pouco mais...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:25


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!





Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D