Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sporting 2020

por O 6º Violino, em 06.01.20

image.jpg

No inicio de um novo ano, vários temas ligados ao nosso Clube e não só, têm sido analisados em vários fóruns, comunicação social, redes sociais, etc..

Deixo aqui a minha opinião pessoal, que não vincula mais nenhum dos escribas deste blog, e terei o cuidado de separar todos os temas que pretendo abordar.

Conselho Directivo e Administração da SAD:

Já todos nós percebemos que a herança desportiva e financeira deixou marcas profundas. Já todos sabemos que alguns dos problemas foram, mal ou bem, solucionados, como a reestruturação financeira, o empréstimo obrigacionista, entre outros.

O que eu gostava de ver neste ano que agora começa era soluções para não voltar a ouvir o "não há dinheiro" para isto e para aquilo. O sócio/adepto quando vota é para que quem é eleito arranje soluções, que tenha imaginação, golpe de asa, motive e sirva os sócios e o Clube. Não podemos continuar com o discurso fatalista, nem muito menos voltarmos aos disparates financeiros do passado recente, mas com menos, é mesmo possível fazer melhor.

Como estão os processos de "naming" do Estádio e Academia? Como estamos de "sponsors" das bancadas do nosso Estádio? A marca Sporting não atrai "sponsorização"? Se não, digam isso claramente. Que estamos a sofrer os danos causados por anos de desvario e loucura ou se não somos capazes de ombrear com os nossos rivais, também nessa vertente? 
Para não ser demasiado fastidioso, deixo só estes exemplos que podem (ou não) aumentar receitas. Importantes.

Futebol: 

Assumir os erros cometidos, projectar a próxima temporada, com novos intérpretes. Maturidade na liderança do futebol, um nome que imponha respeito e com conhecimento de mercado interno e externo para a direcção desportiva. Reorganizar a Academia, onde parece existir demasiada gente, ao mesmo tempo que nos queixamos de falta de dinheiro. Uma estrutura mais pequena e mais forte. Não se entende as responsabilidades de cada um, quais as fronteiras, quais os limites de terreno pisados por cada um. Infelizmente há pouco por onde apostar em termos de jogadores formados na Academia. Obviamente o mercado deve ser atacado com tempo e acima de tudo com critério. Que os erros sirvam para não serem repetidos.

Claques:

As claques podem fazer cair direcções, se os resultados desportivos não ajudarem, mas não ganham eleições.

As claques do Sporting já perseguiram Presidentes, como Dias da Cunha, por exemplo, já fizeram cair possíveis candidatos, como Dias Ferreira, já impossibilitaram a contratação de jogadores e treinadores, já foram braço armado de várias direcções. Existem claques que devem dinheiro ao Sporting. Há vários anos, pelo menos uma delas. Nenhum Clube deve ser refém de qualquer grupo de adeptos, embora não seja essa a realidade em muitos dos Clubes em Portugal. E não só. Os Clubes podem existir sem claques, as claques não existem sem Clubes.

Uma claque que prefere apostar num protesto durante 45 minutos contra uma direcção, em vez de apoiar a sua equipa num dos jogos mais importantes da temporada, não merece respeito, porque não coloca o Clube acima da guerrilha. Uma forma caricata de apoiar. Não, o Sporting não são as claques. Ninguém é dono do Sporting, ainda. Passam direcções, adeptos, o Sporting fica. Ninguém é insubstituível.

VAR:

Ao fim de pouco tempo já começaram os problemas, quer em Portugal, quer noutros países.

O futebol é uma modalidade secular que sempre sobreviveu e foi adaptando as suas regras no decorrer do tempo. O que está implementado desvirtua a modalidade. Ficámos agora a saber por Duarte Gomes que mesmo as linhas que verificam os fora-de-jogo são colocadas por "mão humana", logo susceptíveis de erro ou viciação, quando falamos de poucos centímetros. Ou se alteram as regras de utilização do VAR rapidamente, ou vamos transformar o futebol num desporto de sofá, apenas. Acabam-se os árbitros no campo e gerem-se os jogos a centenas de quilómetros dos estádios. Não matem o futebol.

SL

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 22:32



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D