Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Chantagem

por Trinco, em 06.02.18

blackmail-is-more-effective-than-bribery-quote-1.jpg

 

Ao longo do último ano, por questões pessoais e pela leitura que faço do que é o Sporting neste momento e de quão deslocado nem sinto neste "new  way of being"  praticado por dirigentes e uma larga maioria de consócios, tenho vindo progressivamente a reduzir o tempo despendido a pensar Sporting e a limitar fortemente a minha intervenção. Disso é sinal a significativa redução de posts meus por aqui.

 

No entanto, de tempos a tempos acontecem coisas das quais não consigo abster-me. Foi assim na última semana, volta a ser assim hoje.

 

Azevedo de Carvalho, que teve a melhor conjuntura dos últimos 15-20 anos, sem verdadeira contestação (não passou 5% que fosse do que o Franco, Bettencourt ou Lopes passaram) , e isto apesar dos fracassos no futebol (por muito que os queiram maquilhar) vem, numa altura de alguma estabilidade e com a época desportiva a correr, impor uma alteração estatutária profunda a nível da regulamentação disciplinar, sem debate e forçando a sua vontade sobre os associados.

 

Não tendo conseguido. Melhor, nem sabendo se conseguiria, mas sentido alguma resistência, resolve fazer birra e abandonar a Assembleia Geral em total desrespeito para com o órgão máximo do Clube ameaçando demissão. Pior, no dia seguinte, deixa a equipa de futebol completamente abandonada de representação directiva, seja do Clube seja da SAD, falhando, mais uma vez às suas obrigações (não incorrerá em procedimento disciplinar caros membros do CFeD?).

 

Marca reunião dos órgãos sociais, fazendo saber antes desta que a sua decisão está tomada, para depois, em mais um fastidioso discurso em que faz aquilo mesmo (não incorrerá em procedimento disciplinar caros membros do CFeD?) que acusa outros de lhe fazerem. Inclusive fazer aquilo que quer impedir que se faça, na alteração estatutária. E diz que não decide. 

 

Aqui, substitui-se à Mesa da Assembleia Geral (não incorrerá em procedimento disciplinar caros membros do CFeD?) para marcar Assembleia, com data, hora, local e até ordem de trabalhos.

 

Nesta inverte as coisas a seu bel-prazer e conforme lhe poderá dar mais jeito, formulando a chantagem final de: Ou é como eu quero ou vou-me embora...talvez.

 

Desta maneira, hipoteca inclusive (ou seria melhor dizer coage), alguns associados que, legitimamente, ainda lhe dêem um capital de confiança para a sua continuidade mas que não possam em consciência aprovar as alterações estatutárias que lhes violam abundantemente e de forma legalmente duvidosa os direitos pessoais. Direitos garantidos pela constituição.

 

E é exactamente esta chantagem, este estado de sequestro, em que alguém se confunde com o Clube o tem, que é inaceitável. Esta falta de sentido democrático, da noção de serviço e da teoria azevedo-centrica.

 

Como inaceitável é a listagem de nomes com claras intenções persecutórias e inquisitoriais (não incorrerá em procedimento disciplinar caros membros do CFeD?), que mais não servem que para acicatar alguns desmiolados para a "caça ao homem" (que já se vai sentindo) e para atemorizar outros que possam presumir a insegurança criada (que é real e orquestrada)

 

E de um momento para o outro, por culpa exclusivamente do birrento (não incorrerá em procedimento disciplinar caros membros do CFeD?) que hoje se senta na cadeira de presidente, está o clube de novo em ebulição, num misto de tragédia grega com policial série B, ainda por cima com ideias requentadas.

 

Aconteça o que acontecer no dia 18, nada vai ser igual...

 

P.S.1 Antes que que se lembrem de trazer á conversa o Pedro Madeira Rodrigues, digo já. Ainda que enalteça a coragem da sua presença na ultima AG, não o vejo, a ele e à equipa que penso reste com ele, como alternativa sustentada e sólida

 

P.S.2 Tenho lido a referencia à presença das alterações estatutárias propostas no programa de candidatura. Isso está longe de corresponder à verdade. Nem sequer a extinção do Conselho Leonino (é proposta a sua reformulação apenas) e muito menos as alterações disciplinares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:29


4 comentários

De Anónimo a 06.02.2018 às 15:09

Com sportingalhos como tu é que o SCP se vai abaixo. Respeita quem teve 90% de votos e quem fez o melhor trabalho de todos nos ultimos 50 anos. Muda para o SLB, o SCP não precisa de adeptos da treta (como tu) que só fazem mal ao sporting.

De Luis Filipe a 06.02.2018 às 15:10

Estão bem lançados.
Viva a democracia, onde 25% basta para derrubarem uma direcção

De Anónimo a 06.02.2018 às 15:10

Podes apagar à vontade o meu comentário. Era mesmo só para TI.

De Anónimo a 06.02.2018 às 15:23

Bruno o cobarde. Deixa agora aos sócios a responsabilidade de o aceitar ou renegar. Chantagem de um garoto (este sim, labrego), de, caso ocorrerem com ele, poder vir mais tarde em alguma circunstância aparecer, qual salvador, dizer que ele é que teria resolvido os problemas, etc, etc, etc. O SCP é uma instituição que merece mais respeito. Eu até estou á vontade para dizer isto, porque sou Benfiquista. É um personagem que sofre de egocentrismo tauráquico dada a brutalidade de palavras e actos.
Se o Sporting olhasse mais para si próprio e deixasse o SLB em paz, talvez já tivesse ganho mais qulquer coisinha. Mas não, o ódio é cego e juntou-se à camarilha do FCP para destruir (tentativas consecutivamente falhadas) o Glorioso SLB.
Tenho dito.

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D