Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Afinal, Jesus é humano.

por O 6º Violino, em 27.08.15

jesus-rosto-divino-do-homem-jesus-rosto-humano-de-

Já muito se escreveu, já muito foi dito sobre a "trágica" eliminação do Sporting, aos pés e às mãos do CSKA da Rússia.

Serve este post para relembrar apenas que o actual treinador também é humano, também tem defeitos, também falha.

E falhou rotundamente ontem, ao, mais uma vez, demorar nas substituições.

Já todos tínhamos visto que, apesar do virtuosismo técnico, Brian Ruiz só aguenta 60 minutos. Direi mesmo, que é este o motivo de não ter permanecido em terras de Sua Majestade, onde o futebol é rápido e físico durante 90 minutos.

Acresce o facto de ter alinhado o jogo inteiro frente ao Paços de Ferreira.

Aquilani, apesar de saber os terrenos que pisa, foi demasiado macio, previsível e lento, nada que os anteriores sinais não o indicassem.

Da mesma forma que nenhum de nós idealizava 10 "onzes" diferentes sem Slimani, para o jogo de ontem. Teo marcou o golo (belíssimo pormenor) e pouco mais.

Mané e/ou Gelson deviam ter entrado bem mais cedo, para dar rapidez e posse de bola.

Jesus tinha obviamente de mexer na equipa depois de sofrer o segundo golo. Esperou tanto, que até estava a aguardar pelo hipotético prolongamento, abdicando de ir à procura com insistência do segundo golo, que resolveria a eliminatória.

Factos do jogo de ontem: O Sporting não pode sofrer 3 golos em 45 minutos num jogo importantíssimo para o resto da temporada, quer a nível financeiro, quer a nível desportivo.

O primeiro golo do CSKA nasce de um ressalto no braço de um avançado, logo de análise difícil, e após péssimo corte de Adrien.

No lance do hipotético segundo golo do Sporting, ninguém consegue jurar que a bola não saiu,nem que a mesma saiu. Dúvida que se irá manter, não havendo melhores imagens.

O Sporting deste inicio de temporada tem adormecido sempre que marca um golo. Foi assim em Aveiro, com o Paços, e ontem aconteceu o mesmo. Depois de uma boa primeira parte, em que se faz o mais difícil e se tem o jogo completamente controlado, que raio de bicho teima em morder à equipa, sempre que se apanha em vantagem?

Em Aveiro a sorte sorriu, mesmo com uma substituição aos 85 minutos. Nem sempre os milagres acontecem.

Jesus falhou! E falhou no jogo que não podia falhar.

Falhou porque tem mais matéria prima do que o seu antecessor, e demora uma eternidade a mexer na equipa.

Notas finais: os Sportinguistas que se deixem de pseudo boicotes em relação à Liga Europa. É uma competição para tentar vencer e mais nada!

Não somos um Clube de meninos birrentos, em que, quando o dono da bola decide ir para casa, acaba o jogo.

Somos uma instituição centenária que tem de ser e de se apresentar ainda mais forte nas restantes competições.

Depois de algumas semanitas calado, já era de bom tom que Azevedo de Carvalho nos poupasse às suas garotices facebookianas que só nos envergonham perante os rivais. Ser Presidente do Grande Sporting não é o mesmo que gerir empresas de colocação de soalho flutuante. Haja respeito pela nossa História.

SL

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:59


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D