Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Três, a conta que "Deus" fez!

por Lizardo, em 23.03.16

Screen Shot 2013-09-25 at 10.45.33 AM.png

 

Faz hoje três anos que Bruno de Carvalho é Presidente do Sporting.

Em três anos temos uma Taça de Portugal, uma Supertaça e uma Taça Cers no Museu.

Em três anos tivemos quatro treinadores, contando com Jesualdo Ferreira que acabou a malfadada época de 2013.

Em três anos são às dezenas os processos, da Doyen aos Sócios, às centenas os comentários sem medir as consequências, são às centenas as promessas que não se cumpriram ou que revelaram ser um vazio total.

As auditorias, tão propaladas que foram durante a campanha eleitoral revelaram um vazio total de crime. Estes processos que entraram agora em tribunal, dizem os entendidos, não são mais que um folclore mediático que vão resultar num real nada.

O Pavilhão está em obra. Vai ser uma realidade, e tanto que precisamos de um Pavilhão. A bem ou a mal, a verdade é que se conseguiu avançar com um projeto fundamental para o Clube e para continuar a vincar e a defender a nossa identidade eclética.

Nas modalidades estamos a anos luz dos rivais. Mais fracos no atletismo, continuamos a léguas no Andebol e no Hóquei, o Basket tenta sobreviver, salva-se e muito bem a Natação, Ténis de Mesa e o Futsal. Veremos quantos atletas vamos colocar nos Jogos Olímpicos e que desempenho vão atingir.

No plano financeiro conseguimos estabilizar. Os financiadores continuam a ser os mesmos do passado criticado, a Holdimo de Álvaro Sobrinho e claro os amigos de José Maria Ricciardi, a Banca e outras Instituições Financeiras.

No Futebol tivemos na época de Marco Silva um ano de envergonhar. Não por culpa da equipa ou do técnico, mas sim por culpa do Presidente, que lançou a toalha ao chão demasiado cedo. Fica a ideia que este ano, continuando Marco Silva, depois do início atribulado do Benfica e o caos que está instalado no Dragão, poderia ser um ano onde o título poderia estar mais que resolvido.

No plano das contratações, tanto foi criticado as gestões passadas, pouco ou nada mudou. Comprar contentores de jogadores, nulo aproveitamento desportivo e financeiro de mais de 80% dessas mesmas compras.

Na gestão emocional e racional com os Sócios, a maior falha de todas. Crescemos em número de associados, o que é importante, mas baixamos na venda de lugares anuais. Por outro lado, temos finalmente um Estádio a bater os 40.000 adeptos. Positivo este ponto. Mas é por demais evidente que a gestão do "ou estás comigo ou contra mim" está a dividir os Associados e Adeptos como nunca aconteceu na nossa história.

As claques juntas na Bancada Sul também foi um movimento importante. O Clima no Estádio é diferenciador e único no panorama nacional, e até Europeu. Poucos Clubes se podem gabar do ambiente vivido em Alvalade.

No que toca ao património, aqui reside um Problema, a Academia está como foi finalizada, com faltas evidentes de manutenção, bem como o Estádio, que finalmente vai ver o Multidesportivo avançar para uma manutenção fundamental.

O Relvado do Estádio continua miserável. O problema está identificado. A solução é dispendiosa, mas um Clube com a dimensão do nosso Sporting não pode oferecer um palco desastroso como o atual, onde o futebol perde espetáculo e até se podem perder campeonatos, pois o golo falhado por Ruiz contra o Benfica, muito se pode culpar o Relvado.

A formação está também a passar por uma fase negativa. Não se reconhecem grandes esperanças a curto prazo que tenham chegado durante estes três anos. Continuamos a viver da gestão do passado. Gelson e Matheus têm mais anos de Clube que Azevedo de Carvalho. A Equipa B está no fundo da tabela e sem grandes artistas que possam alcançar a primeira equipa na próxima época.

Nos Juniores e restantes escalões, há alguma qualidade, mas muitas dúvidas em relação ao futuro.

Não nos podemos esquecer que tem sido a Academia o nosso melhor “financiador”, Hugo Viana, Quaresma, Ronaldo, William, João Mário, entre tantos outros que têm permitido ao Sporting nos últimos dezasseis anos ter conquistado várias Taças de Portugal, Supertaças e dois Campeonatos.


Nesta gestao nasceu também o nosso Canal de TV. Fraco, amador e com comentadores ao nível da mediocridade e da vergonha, como é o Carlos Dolbeth. Um espaço de comunicação de alinhados para alinhados. Demasiado fraco e sem visibilidade, como o nosso Jornal que cada vez está mais pobre.

 


Em resumo, três anos com pontos positivos mas muitos pontos negativos. Numa escala de zero a dez, o 5 é a nota mais coerente.

O Presidente tem que perceber que o mundo do futebol e o fenómeno desportivo não se combatem com posts no Facebook ou com legiões de imberbes crianças a atacar quem se rebela ou quem discorda.

O poder combate-se com poder, e o Sporting continua fraco.

Esperamos todos, que ao terceiro ano o título maior do nosso desporto chegue ao nosso museu. Está ao nosso alcance, numa época de investimento megalómano que nos pode sair muito caro se nada vencermos.

Os primeiros meses da próxima época vão ditar muito do futuro de Bruno Azevedo de Carvalho. Ou vence ou vence. Pois se continuar a ganhar no Facebook, rapidamente a rede social se volta contra Si.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:39


3 comentários

De Estruturas. a 23.03.2016 às 10:59

A verdade é que da maneira que o Benfica começou, JJ teve tudo para repetir a proeza de ser campeão logo no 1º ano. Mas em vez de se manter concentrado só no Sporting e com o Benfica a arder, não resistiu a dar uma "mãozinha" ao ex-patrão. E infelizmente não é só JJ que não consegue estar muito tempo calado no Sporting . De qualquer maneira e quando ainda faltam 7 jornadas, bastava um túnel ao Jonas. Estruturas.

Três ou quatro treinadores em três épocas e não foram quaisquer treinadores. JF, um dos que mais sabe de formação em Portugal. E tivéssemos dado tempo a Jardim no SCP e para aí metade do que foi dado esta época a JJ e de certeza que não estava três anos sem ser campeão em Portugal. Então da forma como os rivais começaram esta época... E fiquemos por aqui. Para o ano há outro.

O que vale é que ao Benfica já não bastava não ter treinador como ainda anda na Europa... São mesmo estúpidos.

De J a 24.03.2016 às 12:10

Palhacinho percebes tanto do que dizes que confundes a tua verdadeira equipa com a do Sporting. Fugiu-te a boca para s verdade. A equipa b no fim da classificação? Enfim...

De comentador desportivo a 26.03.2016 às 05:01

O único palhacinho aqui és tu!
De SPORTINGUISTA nada tens, fazes parte duma seita que lá está para encher os bolsos.
E por respeito aos autores do blog,fico por aqui..

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D