Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Penta...tiopentato de sódio!

por Trinco, em 15.05.17

TIOPENTAL_CHILE.jpg

 

O tiopentato de sódio, é, na definição da wikipédia, um barbitúrico de acção rápida, depressor do sistema nervoso central, utilizado principalmente em anestesia e hipnose.

 

Parece ser este o nosso Penta. Uma hipnose anestesiada que nos adormece e obriga a permitir tudo o que este Clube se tornou.

 

Celebramos derrotas transformando-as em vitórias morais, permitindo que qualquer desaire tenha responsáveis exógenos. Falamos, falamos e falamos de um rival, esquecendo de olhar para dentro. Festejamos as suas derrotas, mesmo quando já fomos afastados. Festejamos a descida de um clube estrangeiro por revanche contra um treinador que ainda não foi digerido.

 

Fazemos tábua rasa do ditado "diz-me com quem andas que dir-te-ei quem és" fazendo alianças estratégicas de um lado e de outro (sim no inicio o alinhamento era com os outros). A recente relação de facto com quem há poucas semanas cantávamos que eram uma "...raça de corruptos gostam é de fruta, vocês são uns filhos de uma p..."

 

Aceitamos que uma administração dê ao treinador mais caro de sempre, o plantel mais caro de sempre sem quaisquer resultados. Que ambos, concordantemente menorizem o perfil europeu do Clube, secundarizando para lá do razoável as competições europeias. Que equipas de nível e orçamento muito abaixo, nos ridicularizem em resultados incompreensíveis, interna e externamente, num dos casos atirando-nos para fora sequer duma liga Europa com os reflexos de uma classificação abaixo do 50º lugar (sim, com a contribuição da época 13/14 em que ficamos de fora).

 

Aceitamos a qualidade miserável de futebol apresentado e a torrente de contratações falhadas, umas despachadas, outras por despachar, misturados em empréstimos estranhos e partilhas de direitos ainda mais obscuros. Aceita que se interrompa a evolução de jovens, no clamor de uma pretensa aposta na formação, resgatando-os a equipas da 1ª liga para ou não jogarem ou serem apenas aproveitados na equipa B.

 

Festejamos a formação, omitindo que fomos eliminados pelo critério da média de idades numa competição, que as presenças nas selecções cada vez são mais reduzidas e que a fonte seca à vista de todos sem que nada se faça para alterar.

 

Achamos normal o continuado amadorismo nas estrutura do futebol, que tem o seu pináculo na ascensão de um até há 4 anos, promotor de cartões bancários nos corredores dos centros comerciais de Lisboa a director (ou equivalente) do futebol, sem qualquer outra competência que não a fidelidade canina se lhe reconheça.

 

Orgulhamo-nos de vendas extraordinárias esquecendo que elas são extraordinárias e por definição não servem como suporte de contas equilibradas. Preferimos esquecer que estas vendas são fruto, na maior parte e seguramente nas mais significativas, de atletas formados no Clube antes de 2013 (e já estamos em 2017) sendo que valorizar verdadeiramente jogadores contratados (tirando Slimani) continua a ser uma miragem e até os formados (tirando Gelson) depreciam a olhos vistos.

 

E se no futebol as coisas andam assim embaladas, a realidade é que no Clube a coisa não vai por melhor caminho, com o maior orçamento de sempre, desenhado a "rigor" para as eleições a não ter reflexo nos resultados, naquela que vai ser provavelmente uma das piores épocas de sempre em termos de conquistas. Pelo menos se não contabilizarmos os títulos no paintball e afins.

 

Recusamo-nos a perceber que nos tornámos iguais ou piores que aquilo que sempre criticámos nos rivais. Arrogantes, petulantes, pedantes, convencidos, malcriados e cheios de soberba de barriga vazia. Recusamo-nos a perceber que os resultados são iguais aos que tivemos nos últimos 15 anos.

 

E ainda admitimos que um casamento entre funcionários do Clube e SAD altere a data de celebração do aniversário do Clube

 

O atrás referido tiopentato de sódio, é também conhecido popularmente como um soro da verdade. Infelizmente, tal efeito ainda não é conhecido, para já, de nos estar a acontecer. Quando surgir, será doloroso!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:21



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D