Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Orçamento

por Trinco, em 22.04.16

Imagem 001.png

 

Finalmente, a 48 horas de ser debatido, lá apareceu publicado no site a proposta de orçamento para 2016/2017

 

Numa análise (muito) rápida, algumas coisas saltam à vista.

 

Uma previsão de aumento de 17,5% em Rendimentos e Ganhos, com uma estimativa ambiciosa de aumento de Quotizações (€8,4M, +16.2% que 15/16) de Inscrições nas Modalidades (€2,0M, +11,4% que 15/16), de Bilheteira (€150k, +122,5% que 15/16), de Publicidade (€3,1M, +15,7% que 15/16) e de Rendas (€4,3M, +37,9% que 15/16)

 

Nos Gastos e Perdas, um aumento generalizado que origina 25,9% de incremento em relação a 15/16, onde se destaca fortemente um aumento de 71% em relação a 15/16 na rubrica Honorários (€6,5M), que será porventura aquela que melhor identifica o investimento directo na vertente desportiva das modalidades.

 

No final, prevê-se ainda assim um Cash-flow operacional positivo, mas de apenas €1.004. Sim, mil Euros.

 

Sem grandes comentários, esta proposta de Orçamento é fortemente expansionista e projecta o investimento para níveis que não me lembro de alguma vez ter verificado. E isso é estranho. É estranho porque foi afirmado que a contracção de orçamentos era uma inevitabilidade e que todos os adversários a isso também seriam obrigados e é estranho pois ainda há meses se carpia as mágoas das restrições financeiras, sem que nada tenha acontecido, pelo menos que fosse identificável, que permitisse esta explosão.

 

Pessoalmente, espero que estes €6,5M sejam parcimoniosamente empregues e que não se ceda à tentação eleitoralista de comprar de nome, sem grande critério e apenas com o intuito da vitória imediata, deixando o Clube em condições difíceis nos anos seguintes.

 

Uma coisa que também se verifica, infelizmente, é o desaparecimento do quadro onde se parcelava por modalidade os gastos. Desde o orçamento de 14/15 que desapareceu e seria de facto muito útil para aferir os custos de cada modalidade e sobretudo a justeza da divisão de recursos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:24


1 comentário

De comentador desportivo a 28.04.2016 às 11:13

" É estranho porque foi afirmado que a contracção de orçamentos era uma inevitabilidade e que todos os adversários a isso também seriam obrigados"

Bem lembrado.
Foi mais uma, entre inúmeras mentiras vendidas pelo impostor.
São umas atrás das outras.

E depois,vinha a restante máquina de propaganda inundar blogues com centenas de comentários, alguns quase páginas A4, para tentar passar a mensagem que percebiam da coisa, para dar credibilidade.
Eles têm como princípio que uma mentira repetida muitas vezes, passa a ser tida em conta, e se calhar até é verdade pois muita gente a repete, ainda que seja a maior imbecilidade.
Como se pode confirmar agora no relatório e contas, não passava de mais uma tanga, para arregimentar ignorantes.
E porque é que esses ditos Sportinguistas, que escrevem páginas A4, calam-se e não se revoltam com as mentiras?
Porque muitos deles não são Sportinguistas, são membros do gang que assaltou o clube, para saquearem o pouco que lá havia.
Por isso caros sportinguistas, não esperem nenhuma retratação dos erros, e aldrabices, pois o clube é apenas um sítio onde eles estão a encher os bolsos, e o resto é conversa, conversa de vigarista e ignorante.

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D