Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O tempo é mestre!

por Lizardo, em 10.08.15

george_bernard_shaw_aqueles_que_nao_cons_ol.jpg

 

 

“O tempo é mestre”, frase que se lê várias vezes por este universo digital, seja dita por quem questiona ou em tom jocoso por quem está do outro lado da barricada, como se isso fosse possível, afinal somos todos do Sporting. Apesar de alguns se acharem acima de outros. Mas esses tempos podem estar a acabar.

Durante a época passada, muitos foram os que criticaram as contratações, muitos defendiam de dentes cerrados Slavchev ou assumiam que Sarr era o nosso melhor central. Passado um ano, temos uma contratação a jogar, e muito bem, Paulo Oliveira. Aqui o Tempo foi Mestre.

Durante a época passada, muitos foram os que criticaram a intervenção abusiva do nosso Presidente nas lides do Futebol. De mensagens no Facebook a discussões olhos nos olhos com jogadores, a coisa correu mal, o ambiente não era o melhor, e depois de ouvirmos da boca de Rui Patrício, Jefferson e Nani, este em especial, “Quem não sabe perder também não sabe ganhar”, muita coisa mudou este ano. Agora o Presidente já diz que vai falar menos, ainda bem, e tem a intervenção que sempre pedimos e exigimos que tivesse no seio da equipa, no balneário e na gestão desportiva. Pelos vistos, começa a dar resultados, e muito bons a blindagem e as regras impostas por Jesus e Octávio Machado. Acredito piamente, que o Presidente deixará também de ir para o banco, não deu o braço a torcer com Marco Silva, pois seria um sinal de fragilidade, dará agora, num futuro próximo. Aqui o tempo foi mestre.

Durante a época passada, com mensageiros avulso que até se desdiziam entre Si e que poluíam a opinião e a nação Leonina com mensagens que destabilizam o Clube e em especial o seu treinador, criticávamos e muito esta gente, em especial o Dr. Eduardo Barroso e a criatura mais execrável deste novo Sporting, o José Eduardo. Calaram-se e os que continuam com voz na comunicação social estão agora mais moderados. Mudaram. Aqui o tempo foi mestre.

Durante a época passada foram criadas as mais diversas situações, as mais caricatas foram os processos a Sócios. Espero que aqui não fique na história do Sporting, que pela primeira vez um Presidente vai exigir um valor monetário a um associado por o ter criticado numa rede social. Aqui o tempo também será mestre.

E por último, e o mais evidente, é a alegria desta equipa, que se sente envolvida, finalmente, com quem sente a casa, Manuel Fernandes, eterno capitão, Octávio Machado, antigo dirigente e treinador que tem títulos na carteira. Criticámos a saída de Beto. Era importante ter velhas glórias no Clube. Aqui o tempo foi mestre.

Faltam ainda muitos pontos que esperamos ver resolvidos. O Pavilhão, o caso Doyen, as obras na Academia, o nosso Sponsor e claro, esperamos uma grande época desportiva, não só no futebol mas em todas as modalidades. Esperamos que para o bem de todos, também aqui o tempo seja mestre, no sentido de perceber que não se apanham moscas com vinagre e que não podemos contar só com a nossa inteligência. Quem trabalha, tem resultados. Mas quem trabalha melhor, geralmente vence. É essa a guerra dos Antis. Por agora, comemore-se a grande vitória da Super Taça. Esta sim, é nossa.

SL

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D