Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O Tempo é mestre!!

por Lizardo, em 08.12.16

Bruno-de-Carvalho.jpg

 

Quase quatro anos depois de se instalar o Carvalhismo no Sporting, zero títulos, as piores prestações de sempre na Europa, os maiores orçamentos de sempre, o mais caro treinador de sempre, os maiores flops contratados neste período, um sem fim de casos em tribunal, um incontável número de posts no Facebook pelos mais diversos Diretores de Comunicação, e claro, pelos Batistas e Capitães que a mando de João Duarte e Quintela, (pobres rapazes que, segundo consta, vão ser corridos agora em Março, não vão fazer parte da futura lista de Bruno Miguel), vão redigindo e espalhando a sua boçalidade e a sua falta de nível, know how e capacidade para representarem um Clube tão grande como os maiores da Europa.

Estamos a poucos meses das eleições, e o FRACASSO em toda a linha desta direção é evidente, se do ponto de vista financeiro se tenta tapar o sol com a peneira, a bem da verdade é que as contas não estão assim tão saudáveis, como se pode ler neste texto, e claro, até pelo pouco folclore feito pelo Bruno Miguel sobre os resultados do último relatório e contas. Sabe Bruno que ao agir, vai ter uma reação, e o melhor é estar calado. Evoluiu, mas pouco!

Ontem ficámos fora da Europa, contra uma equipa que não vencia nas mesmas competições há mais de dez anos. Nada que nos belisque a honra, na época passada uma equipa Albanesa, pela primeira vez na sua história venceu um jogo nas competições europeias, e claro, contra o Sporting de Jesus e Bruno.

A elevação mental de Bruno Miguel é tão curta e tão limitada, que não entende que é na Europa que está o prestígio. É ali no maior palco do futebol que estão os milhões, que estão os grandes negócios, que está o verdadeiro espetáculo. Veja-se o exemplo do Arsenal, que internamente nada vence, e que a nível europeu é uma equipa respeitada e sempre candidata a vencer as competições onde está inserida.

Por cá, só o Benfica interessa, e quando se tem tão pouca elevação mental, tão pouca capacidade intelectual, tão fraca capacidade de gestão, não é de estranhar o fracasso do Sporting e o quase tetra do Benfica nos mesmos anos em que Bruno Miguel foi Presidente do Sporting.

As próximas semanas muito nos vão contar sobre um futuro imediato. Se não vencermos na Luz e se cairmos em Setúbal para a Taça de Portugal, a época fica definitivamente fechada, sim, novamente em Dezembro, mas com a nuance que em finais de Outubro já nós estávamos a cinco pontos do Benfica, veremos se conseguimos agora aproveitar o seu deslize na Madeira. Mas as últimas exibições do nosso Sporting não auguram grandes expetativas.

 

Nada mudou no Sporting, piorou. Em termos de orçamento estamos a empurrar com a barriga, estamos a jogar um jogo perigoso que cada vez mais evidencia o risco de perdermos a maioria da SAD.

Este Bruno Miguel, tão adorado por tantos, cada vez menos aplaudido pelos mesmos, corre o risco de se transformar rapidamente num nome proibido ao exemplo de Vale e Azevedo. Também ele loucamente adorado e idolatrado. Até que saiu escoltado pelas forças de segurança e mais tarde acabou mesmo detido.

Sócios, avaliem estes quatro anos, avaliem os despedimentos, os boys que foram contratados, avaliem o tom, o estilo, estudem as contas, comparem com os últimos 10/20 anos, e cheguem a conclusões.

A minha questão é simples: Estamos melhores que no inicio do Século ou há dez anos passados?

Não, não estamos. Vencemos menos, temos menos formação, temos mais passivo, temos mais casos que nos tiram prestígio, estamos constantemente a viver um ano zero. E assim, sem projeto e sem estratégia, é tempo de abrir a porta de saída aos que não sabem “conduzir o Ferrari”

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:38


14 comentários

De Rui a 08.12.2016 às 11:44

Algumas correções/nota:
- O Légia não ganhava desde 95, na Liga dos Campeões.
- O Sporting está fora do top 50 do ranking da uefa e pode até cair mais. E o Braga já nos ultrapassou.
- Portugal pode perder o 3º clube na champions e o grande culpado é BRUNO DE CARVALHO. O Sporting contribuiu muito pouco para o ranking de Portugal na UEFA. Portugal tem 49 pontos e o Sporting só contribuiu com 4,917... Benfica deu 16,667 e Porto 15,417. Braga deu 4,667 e se ganhar hoje passa a 5, mais do que a nossa contribuição.

De Não me deixem cair a 08.12.2016 às 11:58

Senão fosse o record de equipa mais batida de sempre na fase de grupos da Champions tínhamos equipa para ganhar a Liga Europa este ano. E as cores do Legia também acabaram por influenciar. Para o ano é que é...

De comentador desportivo a 08.12.2016 às 12:35

👍

De iorda9 a 10.12.2016 às 00:41

Sâo 5 anos de resultados europeus que conta

os dois piores são os primeiros

1 de GL - outro de BC, que por melhor presidente que seja não conseguiu fazer qualquer ponto ou golo sequer na sua primeira epoca- que incompetente - gordo azevedo

De Rato Azevedo a 08.12.2016 às 11:49

Parece que a ratazana voltou a amuar

http://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/sporting/noticias/interior/adeus-a-europa-irritou-bruno-de-carvalho-5541259.html

Cheira-me que isto vai minar o balneário de vez!...

Quanto ao post, está muito claro e preciso, embora não seja nada que alguém com dois dedos de testa não venha percebendo ao longo dos tempos. Mas haverá sempre alguém que dirá que no tempo do Godinho é que era bom! E enquanto assim for...

E olhe, se o Bruno for outro Vale e Azevedo (e vai ser), é mau para a história do clube, mas provavelmente ficaremos de uma vez por todas blindados contra este género de artistas.

Depois disto, o clube precisa de se reformular por dentro, alterar estatutos, etc. É impensável que em 2016, praticamente 20 anos após a fusão da SAD, lá tenhamos alguém sem qualquer capacidade ou meios para gerir o clube!

Quem quer ser presidente tem que querer servir o clube sem querer nada em troca. Não acredito em presidentes remunerados, a não ser quem presida uma SAD. Mas um presidente do clube e da SAD ao mesmo tempo deveria ser uma impossibilidade. É a minha opinião.

Uma coisa é certa: no início do século e há 10 anos estávamos claramente melhores. Por muito que os soldadinhos insistam, há muito que digo que se não fosse José Roquette e Dias da Cunha o nosso clube provavelmente ainda estaria pior. É só analisar a história dos últimos 30 anos ou mais!

E se vierem mais uma derrotas (quem as desejava era a seita antes de assaltar o poder), que venham! Mais vale perder agora e fazer já em Março uma limpeza de alto a baixo, do que alimentar uma mentira por mais 4 anos! Pois com mais 4 anos disto, e nem daqui a 4 décadas!...

De André Carreira de Figueiredo (ACF) a 08.12.2016 às 15:50

"o clube precisa de se reformular por dentro, alterar estatutos, etc. Não acredito em presidentes remunerados, a não ser quem presida uma SAD. Mas um presidente do clube e da SAD ao mesmo tempo deveria ser uma impossibilidade. É a minha opinião."

Assino por baixo.

S.L.

De Não me deixem cair a 08.12.2016 às 18:17

Se o presidente do SCP, hoje, deve ou não ser também um assalariado do clube, é sempre discutível. Não estamos propriamente em 1906. E como sempre depende da vontade dos associados. Já em relação à SAD, criada para gerir o futebol profissional e como o próprio nome indica, só devia empregar profissionais de futebol. No caso de um grande como o SCP, de grande gabarito. Senão caímos na mesma cilada que o povo americano acabou de cair. O Trump depois da terceira falência em Atlantic City também continuava a dizer que ainda ia destronar Las Vegas como capital do jogo na América. Imagine-se a governar a América.

De Rato Azevedo a 08.12.2016 às 19:10

A minha ideia passa por um presidente que apenas tem uma palavra a dizer na nomeação dos administradores da SAD (pelo menos enquanto tivermos a maioria da SAD), deixando assim o futebol para os profissionais (estes sim, remunerados). Uma espécie de chefe-de-estado, que apenas teria que acautelar se os interesses do clube estavam a ser defendidos dentro da SAD. Percebe?

Logo, não havia necessidade do presidente do clube ser remunerado. Quem quisesse ser presidente, tinha que dar garantias da sua dedicação e independência para o cargo. Nem tinha que lá estar o dia todo, como é óbvio.

Esta coisa de que um presidente pode viver apenas do seu ordenado do clube e não ter qualquer meio de sustentação externo não lembra a ninguém! Só mesmo na cabeça de um garoto como ele e demais imberbes que ainda o levam a sério!

De comentador desportivo a 08.12.2016 às 13:09

Caro Lizardo

Excelente post

Já todos sabíamos que o Sporting não tem dinheiro para pagar a um treinador nem 8, nem 5 milhões por ano.
Nem o Sporting nem a maior parte dos clubes do mundo.
Isso é tão verdade, que o treinador está no top ten dos treinadores mais bem pagos do mundo.

Além da enorme hipocrisia, pois aquando da oposição andaram anos a acenar com a bandeira dos gastos, revela uma péssima gestão.
Só um péssimo gestor contrata um treinador por estes valores.
Aliás o histórico desse pseudo gestor fala por ele.

Mas mais ainda, além do péssimo acto de gestão que é contratar um treinador por este valor num país da dimensão de Portugal, esse acto poder ser considerado gestão danosa quando se abdica deliberadamente das competições europeias para se focar no campeonato.

Para fazer isso, qualquer treinador de 1M por ano chega e sobra!

Quando se contrata um treinador por este valor, é para no mínimo chegar aos quartos de final da Champions!
Se se sabe que não se pode lá chegar, e o contratam na mesma, então isso é um péssimo acto de gestão, é não ter noção do que se está a fazer, revela que quem fez isso é um péssimo gestor.

Contudo também sabemos que o que esteve por detrás deste acto de loucura, foram interesses pessoais.

Essa loucura estendeu-se também a quem apoiou isto.

Por quanto mais tempo permitirão os Sportinguistas que esta loucura continue!?

De z3rosix a 08.12.2016 às 17:06

Ide mamar! Ficar em 7º é que era bom. Não contar sequer para as contas do título é que era de valor. Há gente que não percebe que a boa carreira do SCP na Europa está dependente duma colocação no pote 1. Para isso há que ser campeão. Nenhuma equipa que aspire o titulo nacional luta pela Liga Europa. Os oitavos eram-me objetivo, tudo o q for menos q isso é zero. A verdade é que nos últimos 14 anos nunca estivemos tão perto de o conseguir... Aliás, num campeonato normal, já o teríamos conseguido no ano passado.
Detesto croquetes... detesto falsidades e amantes da pequenez. #SportinguistasDeTrazerPorCasa

De Rato Azevedo a 08.12.2016 às 19:12

"Detesto croquetes... detesto falsidades e amantes da pequenez."

Uma frase que resume o que tem sido os últimos 4 anos. Não era essa a tua intenção, mas assim o fizeste. É preciso é abrir a pestana para a vida!

De Paulo Simões a 08.12.2016 às 21:30

Ainda perdes tempo a dar conversa a esta gente???...
Uma publicação que poderia ser desmontada peça à peça a demonstrar as falsidades que constam dela mas, sinceramente, nem me vou dar ao trabalho disso.
Lamentavelmente para os croquetes e para os néscios e aqui leio muitos, que decide são os sócios e em Março a resposta será esmagadora e será dada nas urnas.
Já agora recomendo-vos, há um sitio onde por 20€ podem ser sócios, com 24€ de cotas pagas e a oferta de umas pantufas de lã, desinfectem para lá que o negócio para ser bom...
Já sei que não vão publicar o meu conetário mas enfim...

De Lizardo a 08.12.2016 às 21:36

Gostava muito que desmontasses essas mentiras.

Ou isso é só conversa de ocasião e areia para os olhos dos miúdos?

De Jorge a 09.12.2016 às 16:28

É à Bruno. Agarra-me senão eu vou-me a eles. :-)

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D