Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Flip of a coin

por Trinco, em 09.09.16

iStock_000007846675_Medium.jpg

 

A SAD apresentou há poucas horas o seu Relatório e Contas referente à época 2015-2016. Apresenta perto €32M de prejuízo, mas convém que se perceba que este documento refere-se ao período entre 1 de Julho de 2015 e 30 Junho de 2016. Ou seja, não estão aqui reflectidas as compras e vendas feitas após este dia.

 

Se o prejuízo, pessoalmente, não me causa nenhuma estranheza sendo perfeitamente expectável, já a dimensão do mesmo é um pouco mais surpreendente. No 3º trimestre (Janeiro a Março) este prejuízo era de €17,1M, 3 meses depois é de €31,9M.

 

Assim, verifica-se que a perda em relação ao exercício anterior (+€19,3M) é de uns alarmantes €51,2. Obviamente que os €15M da reserva a que a SAD se viu obrigada a fazer a meio do exercício, relativamente aos riscos do processo Doyen, que durante dois exercícios serviram para o foguetório do sucesso financeiro não consegue explicar tudo. Aliás, explica muito pouco. Como não explicará as diferenças de receitas sobre a participação nas competições europeias. pois só se verifica uma perda de €2.9M, sendo que em Outros rendimentos e ganhos, Direitos TV , Bilheteira e bilhetes época até houve um acréscimo de receita de €13,5M.

 

O que mudou então? Como é óbvio a quase duplicação do valor de Encargos com o pessoal. A SAD pagou em 2015/2016, €48,8M (€37,1M dos quais em remunerações directas ao Plantel e Equipa técnica, mais €18.9M que na época transacta) à sua estrutura de recursos humanos.

 

É curioso verificar então o histórico deste valor. Em 2011/2012, a SAD tinha €42,5M de encargos com o pessoal, em 2012/2013  €41,6, em 2013/2014, €25,0M, em 2014/2015, €25,1M, para neste exercicio agora terminado  ter o valor acima mencionado de €48,8M. €6M acima daquilo que se dizia em 2013 ser insustentável.

 

O problema é que é mesmo. A SAD gerou neste exercício apenas €68,7M de ganhos, pouco mais de €10M em relação ao exercício passado que teve um valor de custos com pessoal de quase metade.

 

O problema é que voltamos ao "flip of a coin", à bola que bate na barra e ao árbitro que não marca o penálti. Tudo, completamente às avessas do sufragado nas últimas eleições e bem mais próximo dos pressupostos de gestão da anterior administração: O gastar para ganhar.

 

Isso e o viver de receitas extraordinárias, que vão servir lá para Novembro, com a publicação das contas do 1º trimestre, para novo foguetório. Acontece, que assumir estas vendas como meio de gestão e programação está longe de ser uma gestão de rigor e muito menos de excelência. Vender um jogador por ano para gerar a receita necessária ao funcionamento, era o pressuposto muito atacado da maior parte das administrações do projecto Roquette, sendo que no caso até fizeram por acautelar essa possibilidade, com o investimento forte numa política de formação que ainda hoje dá frutos. O que se pergunta agora é: E para o ano quem é que se vende?...

 

P.S.1 Sobre remunerações de corpos sociais, rectroactividades e valores de "outros encargos" nas compras no valor de mais de metade do gasto nas aquisições dos direitos económicos dos jogadores, prefiro nem falar...

 

P.S.2 Neste momento a SAD, com a reestruturação feita, tem um capital próprio negativo de €24,9, um passivo corrente superior ao activo corrente em €79,2 e um passivo de €249,2. Em 2013, sem reestruturação, tinha um capital próprio negativo de €119,4, um passivo corrente superior ao activo corrente em €99,1 e um passivo de €258,8. Ou seja, reduziu-se fortemente o capital próprio negativo, muito fruto da entrada da SPM, limpinha de dividas pagas pelo Clube e com os direitos do estádio, na SAD, mas a diferença entre passivo corrente e activo corrente, bem como do passivo, muito longe de serem essa evolução genial.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:10


15 comentários

De comentador desportivo a 09.09.2016 às 10:33

Como nos tem habituado, mais um grande post.

De Não me deixem cair a 09.09.2016 às 17:00

E os rivais é que vinham ao nosso encontro. Surpreendente é como é que ainda conseguem dar cambalhotas.

De VON a 11.09.2016 às 12:47

Mais um dia de luto nos dias de clube , camarotes leoninos e quejandos tomem lá mais 45.000 no estádio e três secos .

De Trinco a 11.09.2016 às 12:52

Bem que se engana. Contrariamente ao que aconteceu com os que agora defende por alturas do fim de 2012, por aqui sempre se desejaram as vitórias do Clube, em todas as modalidades.
Mas de qualquer maneira, registo que o dia da imbecilidade por aí é sempre que queira. Haja vontade!

De von a 11.09.2016 às 13:01

Que saudades do Diogo Salomão, Djálo, Zapater, André Santos , Evaldo para mim esse grande plantel do JEB é que tinha qualidade , este têm lacunas

De Trinco a 11.09.2016 às 14:07

Diogo Salomão? A sério?!?!...O Mesmo Diogo Salomão que viu renovado o contrato em em 28-08-2013 com clausula de rescisão de 45M, para ter 11 aparições entre equipa A e B e ser emprestado e depois outras 12 na B em 2015, tendo sido vendido ao o RCD Mallorca por valores tão irrisórios que nem foram comunicados?
Mas obiamente que em relação a esses, Magrão, Cissé, Welder, Piris, Vitor, Shikabala, Rabia, Rosell, Slavchev, Geraldes, Sarr, Ciani, etc são tremendamente melhores.
Os maus são sempre maus! E o que acontece é que os há, em quantidades assinaláveis, agora, como houve no passado.

De comentador desportivo a 11.09.2016 às 14:49

Caro Trinco

Esta gente tá tão alienada, que não tem noção do que diz.

De von a 11.09.2016 às 15:27

Pois só que agora não acabamos em 4º, 7º, a 40 pontos do Carnide e do Porco

De comentador desportivo a 11.09.2016 às 17:35

Agora também não temos gente que se diz Sportinguista a "armadilhar" o clube.
Agora também não temos arbitragens como as do porto, antigamente era ao contrário.

De Trinco a 11.09.2016 às 17:41

Mas temos a oportunidade de ver o rival a ser tri-campeão com a possibilidade de ir a tetra...
O que quer dizer que também não somos campeões. Ficamos em 2º a dois pontos.
Como em 2004/2015 ficamos a 4 com aquele roubo de igreja na Luz que se fosse agora não faltaria, a 1 ponto em 2006/2007, por causa da mão de Ronny (mais uma vez, havia de ser agora...), ou outra vez a 4 em 2008/2009 (aquela época da final da taça da liga e da "mão" do Pedro Silva...se fosse agora). E no meio disto ainda se ganharam duas taças e duas supertaças consecutivas...
Mas continuem a usar de bitola o pior que se atingiu. Isso diz tudo, mas tudo mesmo da exigência.

De von a 11.09.2016 às 20:05

Curioso quando era o Porco do Pintinho a ser penta e tetra , não havia problema aliás o senil do Dias da Cunha até foi de cachecol do Porco ( que nojo) apoiar o Porco em duas finais europeias , ao menos BDC não foi assistir ao lado do mafioso do Orelhas a mais duas derrotas do Carnide em finais europeias .Provavelmente aqui até ficarão tristes devem ser daqueles croquetes " que defendem sempre as equipas portuguesas quando jogam lá fora".

De Trinco a 12.09.2016 às 16:21

Claro que havia problema! Claro que critiquei! E o Azevedo nem sequer poderia ter ido a essas finais pois ainda passava por dificuldades e não tinha a vida feita com o ordenado e prémios que recebe da SAD.
E não, nunca defendi as equipas portuguesas a jogar lá fora e nem a selecção me interessa por aí além!

De VON a 13.09.2016 às 19:02

Amanhã até rezam pela repetição dos 7 a 1 que levamos no tempo do grande Paulo Bento em Munique , mais uma grande medalha dos croquetes e do projecto Roquete, maior goleada de sempre numa eliminatória da CL bem podemos agradecer aos dirigentes sérios e honestos da altura.

De Trinco a 14.09.2016 às 09:30

Entendo as limitações cognitivas que impedem de ter percebido o que escrevi nas anteriores 2 ou 3 vezes...
Mas eu repito. Nunca, qualquer um dos que escreve neste Blog, desejou a derrota do Sporting, qualquer que fosse o rabo que se estivesse sentado na cadeira do poder (e todos criticámos de maneira individual). Sim porque o Sporting para nós não começou em 2013. Já o mesmo, o desejo do resultado mau para retirar daí dividendos, não podem dizer alguns...Em finais de 2012, era uma comoção pegada.
Aproveitando a religiosidade explicitada, aconselhava a reza, para que alguma centelha de inteligência, raciocínio cognitivo e capacidade interpretativa apareça nessa cabeça. Milagres acontecem!

De comentador desportivo a 14.09.2016 às 11:26

" Amanhã até rezam pela repetição dos 7 a 1"

Eh eh eh, já tás a "preparar o terreno".

Quanto aos croquetes, o pessoal aqui sabe quem é que num ano arrecadou duzentos e tal mil euros, e também sabemos que os funcionários da máquina de propaganda como tu não trabalham de borla.

Quanto ao anterior presidente que referiste, e outros como o eng. Luís Godinho Lopes, o Doutor Dias da Cunha, Filipe Soares Franco, coloca aí algum deles, que meteu um tostão que fosse, ao bolso!?


Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D