Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



As mesmas contas

por Lizardo, em 09.09.15

Lançadas as novas contas, o cenário é numa primeira leitura positiva.

A reestruturação financeira está em marcha, arrumou-se a SAD, a SGPS deixou de ser um constante barco à deriva e as fusões que foram feitas, no futuro, e acredito que sim, vão revelar ser positivas.

Ficou provado, uma vez mais, que é fundamental ter jogadores de qualidade e é imperativo participar nas competições europeias. A venda de jogadores, na sua grande maioria heranças das antigas direções, permitiram um bom e positivo encaixe financeiro.

O resultado de bilhética, patrocínios e prémios da Champions equilibram e muito a balança financeira. Estar nesta competição é a chave de muitos problemas que o Sporting tem que resolver época após época.

A única dúvida que me apraz neste momento são as semelhanças com o passado, nomeadamente na gestão de Soares Franco, onde os mecanismos de aumento de capital, VMOC´s e empréstimos estavam na ordem do dia, e também com Soares Franco, conseguimos ter algumas participações na Champions, o que permitiu equilibrar a balança. Se Soares Franco vendeu património, aprovado pelos Sócios em AG, e já “resolvido” este fantasma com a Auditoria pedida pela atual direção, também agora se acabaram “empresas” que constituíam a sorvedora e criadora de dívida SGPS e também existiram fusões para o seio da SAD, o que ajuda, também aqui na criatividade contabilística.

caixa fluxo.jpg

capitais proprios.jpg

rendimentos e ganhos operacionais.jpg

 



O problema é que continuamos a viver com bombas de oxigénio, ou estamos na Champions ou não estamos. O Dinheiro não aparece, os sponsors não se apresentam, e o mercado está cada vez mais reticente em apostar no “jogador português”, pois tirando Ronaldo, poucos têm sido os que realmente se têm destacado ao mais alto nível, Nani falhou, Hugo Viana falhou, Ilori não cresce, Bruma é um problema, Quaresma não se aplica, entre outros e falando só dos jogadores do Sporting.

Posto isto, e avaliando que perdemos o direito de estar na Champions League na presente época, que o aumento com a despesa com o pessoal aumentou novamente esta época, que o aumento dos orçamentos, não só no futebol, também aumentaram, há aqui várias reservas que merecem ser ponderadas e respondidas, pois afinal a Holdimo esteve envolvida no aumento de capital, temos empréstimos que pagam empréstimos e continuamos a emitir VMOC´s, dispositivo tão criticado pelo atual Presidente durante a sua campanha eleitoral.

 

aumento de capital.jpg

 



Em suma, 19 milhões de lucro, quando estamos a entrar numa época com um dos treinadores mais caros do mercado, com aquisições de jogadores com elevada folha salarial, depois de fazer um esforço na janela de transferências e não vender jogadores, com aumento de despesa com o pessoal, sem patrocinador que possa superar os valores pagos nas últimas épocas, com o prejuízo de não estar na champions, com as garantias da GALP à espera de serem resolvidas e claro, o caso Doyen que pode destruir em poucas semanas estes valores.

 

doyen.jpg

 



Estes números não me fazem saltar de alegria, não me fazem acreditar no caminho, caminho esse que é o mesmíssimo caminho que todos criticámos diariamente do tempo dos croquetes e pelos quais sempre me bati e fui contra. Vamos esperar que tudo isto não seja mais do mesmo, valores positivos na SAD, e por obra do "Espirito Santo, o Passivo aumenta.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:28


1 comentário

De Profeta a 09.09.2015 às 11:48

Esperemos pelo caso Doyen para tirarmos as devidas conclusões sobre estas contas... Até lá...

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sobre

Sobre o Sporting, com verdade, exigência e espírito critico. Sem reverencias nem paciência para seitas!






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D